Com quantos anos tu queres…?

Aos 26, eu planeava casar. Havia uma brincadeira na escola, em que tu punhas a idade com que te querias casar no centro de um quadrado e, ao redor, num dos lados nomes de rapazes que gostavas, noutro dos lados do quadrado punhas se ias ser rico ou pobre ou milionário, no outro nomes para filhos, etc. No centro dos meus quadrados, punha sempre 26. Era a idade em que tudo já deveria ter dado certo. O “certo”, no caso, é algo que até hoje eu não sei "ao certo" como é.

Não sei se é a crise dos vinte-e-poucos, síndrome de pós-formada ou lá o que é. Mas estou quase a chegar lá e não sei o que eu quero da minha vida. Não faço a ideia se quero ir, voltar, fugir para outro lado do mundo ou me esconder em uma cidadezinha sem maiores preocupações. Apesar de fazer algumas escolhas diárias, traçar pequenos planos futuros, sonhar com alguns objetivos que quero alcançar, a grande verdade, verdade mesmo, é que é eu não faço a menor ideia do que eu estou a fazer com a minha vida.

A pergunta que me ando me fazer é: alguém faz? Alguém sabe exatamente todos os passos que quer dar ao longo da vida? E não se arrepende de nada? Na minha vida, aquela conversa de “eu só me arrependo do que não fiz” nunca bateu. Eu arrependo-me de um monte de coisas que fiz, sim. Além disso, “não fazer”, no fundo, já é fazer alguma coisa.

Ao pesquisar um pouco sobre quais caminhos que eu poderia tomar daqui para a frente, encontrei um monte de gente que, desde pequeno, sabia onde queria chegar. Invejei um pouco. Pessoas que, aos 13 anos, tinham a profissão definida, sabiam qual a empresa que queriam abrir e quantos filhos queriam ter. Dos 13 aos meus quase 25, mudei de ideias umas quinhentas vezes.

Por outro lado, talvez eu só tenha chegado onde cheguei porque eu não tinha certeza de nada. Porque me permiti mudar de ideias, quantas vezes fosse necessário. Não sei. Este, definitivamente, não é um texto sobre conclusões. É mais para dizer: se tu também estás nesta, relaxa. Não estás sozinho.

 Karine Rosa (adaptado)

também poderás gostar...