As coisas que te tenho a agradecer, melhor amiga


A ti todos os obrigados, por seres uma chave, que guarda aquilo que não guardo em mim. Por seres um sol com raios e não me julga. Por seres a verdade e sem intrigas, insistindo em mim para que consiga.

Por cada passo que dou, não existe um atrás e outro à frente, estás ao meu lado. É verdade que de corpo nem sempre estás presente, mas dás aquele toque do quanto estás contente. É impressionante como sabes o que os meus olhos falam demais, e depois de pensar a conclusão é igual.

Obrigado por seres aquele sol que brilha, abre os meus olhos e me ensina. Que somos feitos de carne, mas temos de viver como pedra. Que para quem nos quer mal basta um sorriso, mostrar os dentes, porque a diferença incomoda para quem é igual.

Obrigado por ajudares em momentos de tempestade a apagar uma mera tristeza, pois somos nós que criamos os nossos próprios fantasmas. Que não existe um caminho para a felicidade, pois a felicidade é o caminho. Obrigado por não desistires de mim quando ainda vejo que existem vidros no chão e por me ensinares a fazer o gesto do meio para quem nos quer f*der.

A ti não darei apenas uma mão, mas sim um braço. Amiga como tu és para mim,  não és um fracasso.

Vera Oliveira

também poderás gostar...