Não deixes para amanhã


O ser humano erra constantemente, erra como se tivesse a certeza que o amanhã irá chegar. Como se fosse o amanhã o dia certo para pedir desculpa ou resolver mal entendidos. E um dos maiores erros será esse "o  para amanhã".  Errar é humano, é verdade. Não direi em todas circunstâncias, mas o para amanhã poderá ser erro a dobrar.

Quantas vezes o orgulho se manifesta... Tantas, sem conta. Ele começa por tentar ter posse nos teus sentimentos, princípios, faz-te sentir líder, quando na realidade não o és. Faz sentir-te que tens a razão e que está tudo controlado. Provavelmente poderá fazer com que digas umas palavrinhas a mais e desnecessárias. Pois é ele manifesta-se!

E se o amanhã não te quiser nascer? Será tarde não achas... E se o orgulho passar? E a saudade voltar?

Qual seria a tua resposta...

Vera Oliveira

também poderás gostar...

Hoje apeteces-me