Beija-me antes de saíres


Vamos ter muitos momentos.

De aconchego e sossego, de calor e fulgor.

Seremos um só enquanto dois corpos, seremos algo intenso num momento só nosso.
Seremos prova de entrega mútua, a vontade inscrita em cada gota de suor ou toque.
Seremos descanso após a batalha da rotina, seremos companhia de arraso da movimentada rotina. Vamos sendo o porto de abrigo um do outro num relance que o mundo desconhece que temos.

Somos sonho acordado, real e palpável.

Criamos o espaço de tempo que faz tudo o resto parar. Nada mais importa senão ter-te ao meu lado, a repousar todo o teu esplendor natural.

Vejo-te como tu és, simples, entre o calmo fechar de olhos de quem dorme e aquele olhar entre a pálpebra como quem vigia se saí do teu lado.

Tornas este momento perfeito, tudo o que podia pedir dele. Ter-te comigo assim faz todo o sentido, faz querer ser mais, faz-me perceber que assim estou completo.

Sei que terás de sair, abandonar-me depois deste nosso ensejo, mas peço-te apenas mais uma coisa antes de te afastares:

Beija-me antes de saíres e serei teu para sempre.

Daniel André Teixeira

também poderás gostar...