Às vezes o amor surge da pessoa mais improvável


Mas afinal de onde é que ele vem?
Às vezes o amor surge da pessoa mais improvável. E quando menos esperas, é quando ele aparece.
Tudo muda de repente.
Por vezes, o amor surge disfarçado e nós nem damos pela sua presença. Quando vamos a ver já amávamos aquela pessoa e nem nos demos conta.
Mas quando o amor não é recíproco, então adeus. Não há nada que possamos fazer do que aceitar e seguir em frente.
Custa. Dói. Mas passa. E então ele aparece. Quando menos esperas. Pode não ser quem desejas, mas ele ama-te incondicionalmente. Ou não.
Uma coisa é certa: irá sempre haver alguém, neste mundo tão grande, que irá te amar. Mesmo que penses que não e que todos te odeiam. Ele ama-te. E mesmo que tu não o ames dessa maneira, ele irá entender e deixar-te seguir em frente. Porque te ama mais que a sua própria vida.
Por favor, não sintas remorsos nem pena dele, porque afinal de contas, ninguém escolhe quem ama.

Ana Santos

também poderás gostar...