Não podes agradar a toda a gente

Não podes agradar a toda a gente, acredita em mim, já tentei de todas as formas.
Mas há certas pessoas com quem tu não ligas, não é nada pessoal, mas é como o mundo gira.
Muitas vezes vais abaixo por causa de pessoas que não valem a pena o tempo que perdes com elas.
Nunca te esqueças, a vida é curta e quando perdes tempo com pessoas que não perdem tempo contigo deixas passar muitas oportunidades para te ligares a pessoas com quem podes criar um forte laço.

Toda a gente tem aquela pessoa que está sempre presente na nossa cabeça, não importa o que estamos a fazer. E no fundo, tu sabes que essa obsessão não é saudável.
Veneras essa pessoa como se fosse o teu mundo, a tua vida. Mas não é. A pessoa que realmente é o teu mundo está à espera que tu a encontres e que sejas o mundo dela.
Nunca desistas da vontade de encontrar a tua cara-metade, mas enquanto não encontras, não te isoles. Liberta-te, faz algo por ti. Encontra algo para ocupar o tempo.
Sai à rua, corre, caminha, liberta a mente ou liga a tua jukebox e coloca aquela música a tocar enquanto rabiscas um texto para libertar as emoções, escreve algo que te faça alucinar, desligar do mundo até que só tu existas.
Procura motivação, cria rotinas, faz o que deixa te feliz, não importa o quanto trabalho tens de colocar nessa tarefa. Se sabes que no fim vais ser um ser humano mais alegre, então isso é tudo o que precisas para continuar e enfrentar todos os obstáculos que tens pela frente.

Mas não te deixes enganar, ainda tens muito para viver, e infelizmente tens muitas desilusões para apanhar, mas não deixes de tentar.
Para se saber ganhar, aprende-se primeiro a perder. E aquela pessoa com quem vai passar o resto da tua vida, que te vai salvar do mundo, Vai valer todas as desilusões que vais apanhar. Podes ter a certeza disso.
E como é que encontras tal pessoa? É muito simples na verdade. Fala sendo tu mesmo. Fala com toda a gente, aprende a conversar sobre aquilo que gostas. Fala com pessoas no café, na escola, no trabalho. Fala com pessoas que encontras na rua. Cria relações com toda a gente.
Sai do teu espaço, e sê tu mesmo. Depois arranja tempo para as pessoas que gostam de ti, porque essas gostam de ti por quem tu realmente és. São essas as pessoas que vão fazer parte da tua vida para sempre e vão fazer valer a pena todo o sofrimento até chegares a elas.

Não lutes contra ti mesmo. Em vez disso, procura paz contigo mesmo, e nunca desistas de ti. A tua vida começa agora, não te esqueças! Sê feliz.

Nuno Monteiro

também poderás gostar...

Hoje apeteces-me