Mantém-te perto de quem te tranquiliza

Esquece o tempo, não tenhas pressa para o que te espera do outro lado. Haverá sempre uma batalha árdua, e vitórias nem sempre são garantidas. Perde, erra sem medo. O teu mundo muitas vezes parecerá desmoronar, e poderás já nem acreditar que haverá luz para quebrar essa escuridão. Mas haverá, um passo de cada vez e não dois num só. Terás voz, gritos de terror  dentro de ti, mas nem sempre conseguirás falar. Vais tropeçar, cair e começar de novo a gatinhar, mas sabes que mais? Inspira-te, inspira-te de quem te faça permanecer viva e que não te complique, que te siga para qualquer lugar. Mantém-te por perto de quem te tire do chão, que te dê asas para voar, sem esperar algo em troca. Que te dê respostas mesmo sem perguntares. Simplesmente que te facilite, tranquilize essa alma, abrace inesperadamente. Fica onde te façam sentir tu mesma, onde te façam sentir bem ou mesmo coisas inesperadas. Alguém de quem não sejas segunda opção. Fica onde tu pertences, na felicidade.

Vera Oliveira

também poderás gostar...

Imagem

Amo-te, mas não dá.