McDonald's recusa proposta da Burger King: "da próxima vez telefonem"


"Da próxima vez, um simples telefonema seria suficiente."



Foi desta forma que Steve Easterbrook (CEO do McDonald's) ironizou a proposta de um "cessar-fogo na guerra dos hambúrgueres", feita pela rival Burger King. Este cessar-fogo estava relacionado com o  "Dia Internacional da Paz", comemorado em 21 de setembro.

Entende a proposta



Através de anúncios de página inteira nos principais jornais americanos, o Burger King propôs que as duas marcas se unissem por um dia, numa "loja-conceito" na cidade americana de Atlanta (no meio do caminho entre as sedes das duas empresas nos Estados Unidos), para vender conjuntamente um sanduíche chamado "McWhopper".

No convite público, o Burger King propõe "as partes mais saborosas do seu hambúrguer mais famoso e do nosso Whopper juntas em um delicioso hambúrguer repleto de paz e amor, disponível apenas um dia (...), servido em apenas um restaurante". O McWhopper incluiria seis ingredientes do Whopper (como cebola, picles e carne na grelha) e seis do Big Mac (como o "molho especial", a carne e o queijo).

"O que precisamos de vocês são alguns funcionários do McDonald's que nos ajudem a misturar nossos ingredientes com os seus".



O valor arrecadado com as vendas seria destinado à Peace One Day. No vídeo divulgado pelo Burger King, o fundador da organização sem fins lucrativos, Jeremy Gilley, diz que união entre os sanduíches "pode ajudar a salvar vidas".

A resposta do McDonald's


A resposta do McDonalds à ação de marketing rival foi vaga: "Nós adoramos a intenção, mas acreditamos que nossas duas marcas juntas poderiam fazer algo maior para fazer a diferença".

A mensagem, publicada em diversas línguas no Facebook, questiona os efeitos da iniciativa. "Todos os dias, vamos reconhecer que entre nós há uma simples competição de negócios amigável que certamente não é igual a circunstâncias de real dor e sofrimento da guerra."

A reacção do McDonald's tem vindo a ser considerada "rude", pelos comentários dos fãs em resposta à resposta dada.

também poderás gostar...