Foste provavelmente o meu melhor...e o pior

Amei-te como jamais tinha amado alguém, talvez eu nem soubesse o que era isso e teria acabado por descobrir contigo. Foste provavelmente o meu melhor, deste me tudo, fui feliz contigo. E não me esqueço nem quero esquecer cada momento que passei contigo.
Mas a nossa história não foi como idealizei, afinal posso dizer que também foste o meu pior, tiraste-me tudo sem razão, sem uma explicação nem sequer um porquê.

Andei à deriva por ti não queria uma vida sem ti.
Hoje estou bem, e sei que estás bem, não te odeio, algo que cheguei a desejar por momentos, mas para quê odiar alguém que um dia nos fez sentir tão bem? Realmente não faz sentido.

Não me culpo por já não te ter, tenho a noção de que fiz a minha parte, afinal de contas não se pode amar por dois...
O meu amor próprio foi e é maior do que aquilo que senti por ti, daí já não correr atrás de ti.

Francisca Coutinho

também poderás gostar...